O canal de conteúdo do Grupo Integrado

Acordo inédito no Brasil permitirá que estudantes de Agronomia tenham capacitação multidisciplinar, prática e com visão completa do agronegócio

O Centro Universitário Integrado iniciou ontem (15) uma parceria com o AgTech Garage, o principal hub de inovação aberta do agronegócio da América Latina e um dos maiores do mundo. O objetivo é criar um ecossistema inédito no Brasil, dentro da vertical do agro, para gerenciar a carreira do profissional do campo envolvendo as áreas educação, pesquisa e inovação.

Em sua apresentação, o sócio-mantenedor do Grupo Integrado, Pedro Baer, relembrou o histórico da família no setor do agronegócio e destacou o potencial da região. “O agro está fortemente ligado à nossa história, foi a primeira área de atuação do Grupo, além disso os primeiros cursos do Centro Universitário Integrado estavam ligado ao agro. Nosso objetivo com a parceria com o Agtech e a criação da vertical é fortalecer esse ecossistema e transformar ainda mais a região com o que há de mais inovador na área. Estamos numa região propícia para isso, com muito potencial e que tem tudo para ser destaque nacional”.

Para o coordenador do Núcleo de Empreendedorismo e Pesquisa da instituição de ensino, Fabrício Pelloso, essa junção de conhecimentos vai proporcionar aos estudantes de Agronomia e àqueles que ainda estão no ensino médio e pensam em cursar uma graduação na área uma nova visão ampliada sobre os desafios e realidades do agronegócio no Brasil e no mundo.

“Somos a primeira instituição de ensino superior do Brasil a ter parceria com a AgTech Garage. Essa conexão entre a academia e o mercado vai trazer aos nossos estudantes uma formação técnica, prática, multidisciplinar e diferenciada em todos os cinco anos de graduação. Assim, eles vão conhecer os desafios atuais do agronegócio, poderão interagir com mais de 80 empresas do segmento, pensar soluções às demandas dessas companhias, lidar com inovação digital, praticar as soft skills e ter uma visão global do segmento”, explica Pelloso.

José Tomé, CEO e cofundador do AgTech Garage.

“Para o AgTech Garage, ficou muito evidente que precisamos levar mais inovação para a educação, pois sem educação, a inovação não acontece. O Grupo Integrado foi visionário ao ser pioneiro e decidir ser parte do AgTech Garage. Estamos muito contentes e entusiasmados com o potencial de impacto que poderemos gerar juntos para um agro mais sustentável, inclusivo e competitivo.”, enfatiza José Tomé, CEO e cofundador do AgTech Garage.

Qualificação para o campo
De acordo com o Censo Demográfico de 2010, feito pelo IBGE, mais de 3 milhões de produtores rurais nunca foram à escola ou apenas cursaram os primeiros anos do ensino básico.

Preocupada com essa situação, o Integrado buscou maneiras de reverter esse quadro e foi a primeira instituição de ensino do Brasil a oferecer o curso de agronomia no período noturno em 2003. Dessa forma, após o dia de trabalho, o agricultor e seus familiares puderam ter acesso ao conhecimento científico.

“Agora vamos dar mais condições para capacitar todos que atuam direta ou indiretamente no agro, para que eles melhorem os resultados de seus trabalhos, tenham mais produtividade e rentabilidade, compreendam toda a cadeia do segmento e tenham uma visão completa do desenvolvimento socioambiental do negócio”, destaca Fabrício Pelloso.

Líder na América Latina
As iniciativas do AgTech Garage promovem a conexão entre grandes empresas, startups, produtores, investidores, academia – entre outros atores do ecossistema de inovação e empreendedorismo do agro – para desenvolver soluções tecnológicas que aumentem a sustentabilidade e competitividade do agronegócio brasileiro.

Com cinco anos de existência, mais de 80 parceiros corporativos e mais de 1.050 startups conectadas à sua plataforma digital, o AgTech Garage atua com grandes nomes do setor e que já protagonizam diversas inovações no segmento. Entre eles estão a Bayer, Bunge, John Deere, Ceva, OCP Brasil, Sicredi e Suzano.

Para os estudantes da graduação, a parceria formará agrônomos multidisciplinares e com visão crítica de todo ambiente em que estão inseridos. Além do conhecimento técnico, eles terão habilidades de comunicação, liderança, empreendedorismo, criatividade, pró atividade, trabalho em equipe, vão usar dados para gerar inovações no campo, entre outros diferenciais.

Jeferson Vinhas, vice-reitor do Centro Universitário Integrado

“Queremos ser uma referência no ensino, pesquisa e tecnologia do agro em todo Brasil. Vemos que há muitas iniciativas de pesquisa, tecnologia e inovação do segmento, mas que ficam isoladas e demoram a se conectar ou gerar sinergia. Com essa parceria, vamos juntar essas pontas e proporcionar resultados mais ágeis”, enfatiza o vice-reitor do Centro Universitário Integrado, Jeferson Vinhas.