Acadêmicos de Direito participam da I Conferência Euroamericana de Direitos Humanos em Portugal

Universitários participaram através de uma palestra na modalidade virtual

GL.01


Dois acadêmicos do curso de Direito do Centro Universitário Integrado participaram, na semana passada, da I Conferência Euroamericana para o Desenvolvimento dos Direitos Humanos, que ocorreu em Coimbra, Portugal. O evento, realizado entre os dias 14 e 16 de outubro, contou com a participação dos universitários Gabriel Carvalho dos Santos e Lhais Silva Baia, que ministraram a palestra “A Digissexualidade e os Aspectos Discriminatórios”, na modalidade virtual.

Com o avanço tecnológico na sociedade contemporânea, surgem diversos termos e aspectos sociais novos. Entre eles, está a 'digissexualidade', que aborda questões ligadas à satisfação sexual pelo mundo virtual. Esse foi o tema da palestra dos universitários. De acordo com os acadêmicos, Gabriel Carvalho dos Santos e Lhais Silva Baia, foram discutidos vários aspectos. "Os Direitos Humanos tangenciam o rol das maiores evoluções alcançadas pelo mundo jurídico, contudo, a sociedade frequentemente passa por variadas transformações vivenciais, de modo especial, em um âmbito altamente tecnológico. Neste sentido, é imprescindível a análise dos principais elementos que tangenciam a Digissexualidade, como a sociedade estrutura aspectos discriminatórios para os seres humanos que estão inseridos nessa vertente e quais os perigos deste fator para a estabilidade dos Direitos Humanos", afirmam os acadêmicos.

O tema não é novo no universo dos dois acadêmicos. Gabriel e Lhais são autores do livro "Os efeitos extrapenais 'deletum sociali' na Era da Inteligência Digital". A obra aborda questões referentes à Inteligência Artificial/Digital e o Direito dos robôs foi destaque em uma reportagem no blog do Centro Universitário Integrado. Para os acadêmicos, representar a Instituição representa muito. "A importância de representar a faculdade em um congresso Internacional, reside em evidenciar a preocupação da instituição pela busca do conhecimento, tornando-a visível não só no âmbito nacional, como também, internacionalmente. Tal oportunidade, além de ser motivo de grande honraria, demonstra a valorização de nossos estudos e produções, fato que nos motiva e prepara, rumo a excelência profissional", garantem os autores.

L.01

 

G.01

 

GL.02

 

Comentários
0